Divagando...

Divagando...
Bosque da Princesa em Pindamonhangaba - Foto de Maria Teresa de Brum Fheliz Benedito

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

Dia da Gentileza - 13 de Novembro


Sejamos leves e transparentes como a rosa.
Quem ama cuida.
Quem cuida é por que ama.
E quem se sente cuidado, cuida mais.
Por que gentileza gera gentileza.
Bem querer gera bem querer.
Amor gera amor e assim por diante.
E como não ser gentil com quem é gentil conosco?
Pensemos nisso e vamos fazer uma corrente de GENTILEZAS, espalhemos esta ideia.
Maria Teresa


quinta-feira, 2 de novembro de 2017

Saudades

                            Minha roseira
A saudade que sinto dos meus pais, meu avô, meu irmão e de tantas outras pessoas tão queridas... é uma saudade só minha, tão intima e tão dolorida as vezes que parece que vai sufocar e tirar o ar.
Ela é constante e cortante dentro de mim, não me dá trégua, não sai de mim, que às vezes sinto o cheirinho deles perto de mim e quando isso acontece fecho meus olhos para eternizar este momento tão meu tão nosso.
É uma saudade de vida, não de morte, por causa das histórias que vivemos juntos, do caminho que percorremos juntos e sempre estarão vivos em mim.
Que saudades que dá de ouvir a voz, de ouvir meu nome pronunciado por eles, que saudades!
Saudades de ouvir velhas histórias, que só eles sabiam contar e não dá nem para recontar, apenas recordar e que bom que elas estão vivas em minha memória e no coração.
Esta saudade é colorida, por que eles pintaram em minha vida cores inimagináveis, cores que não vejo por aí, vejo apenas nas lembranças doces e suaves que tenho e sinto por eles.
Que saudades, saudades às vezes tão doídas em mim, mas não quero parar de senti-las, pois esta é a forma de mantê-los vivos dentro de mim.
É saudade, é amor e será sempre assim, recheada de amor incondicional e intemporal.
Saudades infintas de vocês meus amadinhos!
               Maria Teresa

quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Dia de todos os Santos

                                                                    
                       Imagem e texto da Web
"Vi uma grande multidão que ninguém podia contar,
de todas as nações, tribos, povos e línguas. Estavam
de pé diante do Trono e diante do Cordeiro, de vestes
brancas e palmas na mão."
A visão narrada por são João Evangelista, no Apocalipse,
fala dos santos aos quais é dedicado o dia de hoje.
A Igreja de Cristo possui muitos santos canonizados
e a quantidade de dias do calendário não permite que
eles sejam homenageados com exclusividade. Além desses,
a Igreja tem, também, muitos outros santos sem nome, que
viveram no mundo silenciosamente e na nulidade, carregando
com dignidade a sua cruz, sem nunca ter duvidado dos
ensinamentos de Jesus.
Enfim, santos são todos os que foram canonizados pela Igreja
ao longo dos séculos e também os que não foram e nem sequer
a Igreja conhece o nome e que nos precederam em vida na terra
perseverando na fé em Cristo.
Portanto, são mesmo multidões e multidões, porque para Deus
não existe maior ou menor santidade. Ele ama todos do mesmo
modo. O que vale é o nosso testemunho de fidelidade e amor na
fé em seu Filho, o Cristo, e que somente Deus conhece.
Como mesmo entre os canonizados muitos santos não têm um
dia exclusivo para sua homenagem, a Igreja reverencia a lembrança
de todos, até os sem nome, numa mesma data.
A celebração começou no século III, na Igreja do Oriente, e ocorria
no dia 13 de maio.
A festa de Todos os Santos ocorreu pela primeira vez em Roma, no
dia 13 de maio de 609, quando o papa Bonifácio IV transformou o
Panteão, templo dedicado a todos os deuses pagãos do Olimpo,
em uma igreja em honra à Virgem Maria e a Todos os Santos.
A mudança do dia começou com o abade inglês Alcuíno de York,
professor de Carlos Magno, perto do ano 800. Os pagãos celtas
entendiam o dia 1o de novembro como um dia de comemoração que
anunciava o início do inverno. Quando eles se convertiam, queriam
continuar com a tradição da festa. Assim, a veneração de Todos os
Santos lembrando os cristãos que morreram em estado de graça foi
instituída no dia 1o de novembro.
O papa Gregório IV, em 835, fixou e estendeu para toda a Igreja a
comemoração em 1o de novembro. Oficialmente, a mudança do dia
da festa de Todos os Santos, de 13 de maio para 1o de novembro,
só foi decretada em 1475, pelo do papa Xisto IV. Mas o importante
é que a solenidade de Todos os Santos enche de sentido a homenagem
de Todos os Finados, que ocorre no dia seguinte".
Texto retirado do site abaixo:

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Fé!

                                                                    Imagem da Web

Fé é lançar-se no coração, nos braços de Deus.
Fé é abandonar-se em Deus, é fazer como a criança quando nos pede alguma coisa, ela não pensa se é possível ou não, ela pede, ela entrega-se no pedido que nos faz.
Quando pedir algo na oração a Deus, creia no resultado do seu pedido.
Deus só não nos diz quando irá nos atender e a hora, mas Ele atende cada pedido, por que só Ele sabe o que é melhor para nós e nos dá exatamente o que nós precisamos.
Deus está de olho na nossa alma.
"Sem fé é impossível agradar a Deus" (Rom. 1,17).
Sem fé só há sofrimento.
A fé é dom de Deus e o exercício melhor para a fé é a oração e boas obras.
Temos que acreditar que tudo está nas mãos de Deus, pois Ele tem o comando de tudo.
Agradecer a graça que vem vindo é sinal de fé.
Quando louvo a Deus eu libero a ação de Deus.
Ter no coração atitude de FÉ, louvando-O.
Se quero uma graça de Deus, devo rezar, louvar e agradecer todos o instantes através de nossas ações.
Rezar, pedir, louvar e agradecer, são sinais de FÉ.
Quanto mais agradecemos, mais Deus nos dá.
Deus fica feliz com nosso agradecimento.
Rezar como criança, com confiança, como docilidade, insistir no amor e Ele nos atenderá.
Crer em Deus é a fórmula para a felicidade em todos os momentos.  Maria Teresa.

sexta-feira, 22 de setembro de 2017

A Primavera está chegando

                                                                 (Nossa roseira)


E com ela nova esperança no coração de todos nós.
Esperança de um mundo melhor, de pessoas trabalhando, estudando, tendo uma cada Boa para morar, comida gostosa na mesa, família unida e depois poder se alegrar com a doce Primavera.
Primavera é luz, é alegria.
Primavera é cor que se espalha pela natureza, vamos então colorir nossa vida e de quem por nós passar.
Primavera é música, por que os pássaros fazem cantoria diante das flores e das frutinhas silvestres.
As borboletas multicoloridas cochicham e por certo nos encantam sempre.
As Joaninhas visitam as flores dando uma beleza ainda maior aos nossos jardins.
Primavera é amor!
E quanto romance se iniciará na doce Primavera!
Infinitos deles se iniciarão com o perfumar da doce Primavera.
Primavera botão em flor, como os botões de rosas que estão se abrindo em nosso jardim, dando as boas vindas a doce e querida Primavera!
Feliz Primavera para todos nós.
Maria Teresa.

quinta-feira, 21 de setembro de 2017

Dia da Árvore -21 de Setembro



Onde você está minha querida árvore, não te vejo, não te encontro.
O que fizeram contigo?
Por que foges de mim?
O que fiz para ti, que não a encontro para abrigar-me sob tua sombra?
Plantei muitas de ti ao longo do meu caminhar e ainda e onde tu estás?
E ainda planto muitas de ti e cuido de ti com amor.
Estou sem ar, não consigo respirar, socorre-me querida árvore!
Onde tu estás árvore querida?
Não deixe mais se matar por ninguém, resista, preciso de ti, estou sem ar...estou com sede, não morra por favor!
               Maria Teresa.
(IMAGEM DA WEB)

sábado, 9 de setembro de 2017

Prenúncio da Primavera!

                                                  

                                                  Como tudo é um ciclo 
                                                  na vida e no tempo,  
está findando o inverno 
e com a nova Primavera vem também 
a esperança de realização de velhos sonhos 
e a oportunidade de sonhar sonhos novos 
e quiçá realizar todos eles.
Com a chegada da primavera todos os botões 
desabrocham para a vida!
Vem vindo aí a Primavera, mas enquanto 
ela não vem aproveitemos este instante 
de final de inverno,
que nos faz dormir e sonhar, 
com a linda Primavera.


Maria Teresa

quinta-feira, 7 de setembro de 2017

7 de Setembro, Dia da Independência do Brasil!!!


Que Independência é essa?
Que Independência é essa ? existem tantos analfabetos?
Que Independência é essa que o tráfico de drogas e armas estão cada vez maiores?
Que Independência é essa que o brasileiro não pode "ir e vir", como assegura a Constituição Brasileira?
Que Independência é essa que  não há trabalho para todo brasileiro?
Que Independência é essa que a saúde está super doente?
Que Independência é essa com a corrupção aflorada
 em todos os setores?
Que Independência é essa onde tem "dois pesos e duas medidas" para julgar alguém, o pobre é julgado de  uma forma e o rico de outra, diante do mesmo crime?
Que independência é essa que temos condenados fora da cadeia?
Como festejar a Independência do Brasil, se me sinto tão prisioneira de valores não verdadeiros de uma sociedade corrupta e manipuladora?  Maria Teresa
                              (IMAGEM DA WEB)

terça-feira, 1 de agosto de 2017

Reedição: Fé

Fé é lançar-se no coração, nos braços de Deus.
Fé é abandonar-se em Deus, é fazer como a criança quando nos pede alguma coisa, ela não pensa se é possível ou não, ela pede, ela entrega-se no pedido que nos faz.
Quando pedir algo na oração a Deus, creia no resultado do seu pedido.
Deus só não nos diz quando irá nos atender e a hora, mas Ele atende cada pedido, por que só Ele sabe o que é melhor para nós e nos dá exatamente o que nós precisamos.
Deus está de olho na nossa alma.
"Sem fé é impossível agradar a Deus" (Rom. 1,17).
Sem fé só há sofrimento.
A fé é dom de Deus e o exercício melhor para a fé é a oração e boas obras.
Temos que acreditar que tudo está nas mãos de Deus, pois Ele tem o comando de tudo.
Agradecer a graça que vem vindo é sinal de fé.
Quando louvo a Deus eu libero a ação de Deus.
Ter no coração atitude de FÉ, louvando-O.
Se quero uma graça de Deus, devo rezar, louvar e agradecer todos o instantes através de nossas ações.
Rezar, pedir, louvar e agradecer, são sinais de FÉ.
Quanto mais agradecemos, mais Deus nos dá.
Deus fica feliz com nosso agradecimento.
Rezar como criança, com confiança, como docilidade, insistir no amor e Ele nos atenderá.
Crer em Deus é a fórmula para a felicidade em todos os momentos.  Maria Teresa.

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Divagando: Silêncio


Esse silêncio que se faz dentro de mim me faz ouvir o grito mais silencioso do meu ser que só quer gritar e se libertar deste silêncio que emudece a minha voz que saqueia meu sentir,  que quer roubar minha paz.
Esse silêncio ensurdecedor que quer dilacerar meu sorrir e meu cantar emudecendo meus movimentos me deixando inerte,  a deriva de mim.
Esse silêncio que quer enlouquecer meu querer,  meu sentir não me deixando ser e apenas estar.
Silêncio, silêncio, silêncio... Maria Teresa - 2017

domingo, 2 de julho de 2017

Reedição : O sequestro da subjetividade

Sequestro da Subjetividade

É um roubo silencioso que leva de nós geralmente o que de mais belo temos, que é a esperança e o amor próprio,
não por maldade, nem por egoísmo na maioria das vezes, mas por não saber lidar com a felicidade própria e do outro.
Nossa vida é uma constante travessia, estamos sempre indo e vindo, por que assim se dá o aprendizado, assim
se chega à felicidade assim se dá o processo do amor, o movimento é constante por que estamos vivos, mas
infelizmente muitos de nós tem medo deste movimento e sem este movimento ficaremos incompletos.
É preciso nos dispor a “viver” a ser “feliz”a“ fazer feliz” quem de nós se aproximar.
Não podemos viver seqüestrados por nós mesmos e muito menos
deixar que nos seqüestrem ou violentem nossas emoções.
O nosso interior é um terreno fértil para a felicidade ou infelicidade, para realizações profissionais ou não, temos
que ter coragem e disposição para ir e dar vazão a emoção que move este ir e vir.
Tudo que priva o ser humano de administrar sua vida é um sequestro , seja lá qual dimensão tiver ou em que plano for.
Não quero ficar aqui fazendo um tratado de filosofia ou psicologia e muito menos levantar bandeiras de dona da verdade, apenas expor com sinceridade minha simples opinião.
Bom dia!  Maria Teresa de Brum Benedito.

sábado, 10 de junho de 2017

Origem do Dia dos Namorados

Resultado de imagem para IMAGEM DE CASAL DE NAMORADOS SECULO PASSADO
Como surgiu o Dia dos Namorados - A História e a Origem do dia dos namorados

Nesse texto você encontrará as respostas e entenderá um pouco melhor o verdadeiro significado do dia 12 de junho. Segundo a versão mais conhecida. a comemoração teria se originado na Roma antiga, no século III.O padre Valentim lutou contra as ordens do imperador Cláudio II, que havia proibido o casamento durante as guerras acreditando que os solteiros eram melhores combatentes.Além de continuar celebrando casamentos, ele casou-se secretamente, apesar da proibição do imperador. Tendo se recusado a renunciar ao Cristianismo, Valentim foi condenado à morte. Enquanto aguardava na prisão o cumprimento da sua sentença, ele se apaixonou pela filha cega de um carcereiro e, milagrosamente, devolveu-lhe a visão.Antes de partir, Valentim escreveu uma mensagem de adeus para ela, na qual assinava como “Seu Namorado”.Considerado mártir pela Igreja Católica, a data de sua morte - 14 de fevereiro - também marca a véspera de lupercais, festas anuais celebradas na Roma antiga em honra de Juno (deusa da mulher e do matrimônio) e de Pã (deus da natureza). Um dos rituais desse festival era a passeata da fertilidade, em que os sacerdotes caminhavam pela cidade batendo em todas as mulheres com correias de couro de cabra para assegurar a fecundidade.Outra versão diz que no século XVII, ingleses e franceses passaram a celebrar o Dia de São Valentim como a união do Dia dos Namorados. A data foi adotada um século depois nos Estados Unidos, tornando-se o Valantine´s Day. E na Idade Média, dizia-se que o dia 14 de fevereiro era o primeiro dia de acasalamento dos pássaros. Por isso, os namorados da Idade Média usavam esta ocasião para deixar mensagens de amor na soleira da porta da amada.

A história do dia nos namorados no Brasil
No Brasil, é comemorado em 12 de junho a partir de 1949, quando o publicitário João Dória trouxe a ideia do exterior e a apresentou aos comerciantes.Como junho é um mês de vendas baixas, eles decidiram comemorar a data nesse mês e ainda escolheram a véspera de Santo Antônio, o santo casamenteiro como o Dia dos Namorados.A ideia inicial pode ter sido um tanto quanto interesseira, afinal, escolheram o mês de junho por ser um mês fraco de vendas, no entanto seja qual quer que seja a data que se comemora um namoro, uma paixão, um relacionamento a dois, o importante é o amor e o carinho que são demonstrados, compartilhados e vivenciados por um casal.
(TEXTO E IMAGEM DA WEB)


domingo, 4 de junho de 2017

Solenidade de Pentescostes

                                                             Imagem da web

Anúncio do Evangelho (Jo 20,19-23)

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.
— Glória a vós, Senhor.
19 Ao anoitecer daquele dia, o primeiro da semana, estando fechadas, por medo dos judeus, as portas do lugar onde os discípulos se encontravam, Jesus entrou e, pondo-se no meio deles, disse: “A paz esteja convosco”. 20 Depois dessas palavras, mostrou-lhes as mãos e o lado. Então os discípulos se alegraram por verem o Senhor.
21 Novamente, Jesus disse: “A paz esteja convosco. Como o Pai me enviou, também eu vos envio”. 22 E, depois de ter dito isso, soprou sobre eles e disse: “Recebei o Espírito Santo. 23 A quem perdoardes os pecados, eles lhes serão perdoados; a quem não os perdoardes, eles lhes serão retidos”.
— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.
Vamos permitir que o Espírito Santo desça sobre nós e faça de de cada um de nós seu instrumento.
Para que isso aconteça, temos que ser justos, éticos, disciplinados na oração e na ação, por que uma não existe sem a outra, temos também que ser amorosos, ternos, carinhosos, misericordiosos, mansos, humildes, pacificadores, serenos e muito mais.
Vamos tentar ser o amor de Deus para o próximo.
Eu vou tentar ser todos os dias, vou tentar mesmo ser templo do Espírito Santo.
Um abraço fraterno, Maria Teresa

"Pentecostes é uma celebração muito importante do calendário cristão, e comemora a descida do Espírito Santo sobre os apóstolos de Jesus Cristo. Pentecostes é celebrado 50 dias depois do domingo de Páscoa, e no décimo dia depois do dia da Ascensão.
O termo Pentecostes é de origem grega, e o significado é quinquagésimo, e junto com Natal e Páscoa, é a terceira data mais importante do Ano Litúrgico. No Novo Testamento, Pentecostes é o dia da vinda do Espírito Santo, da chegada de Cristo na Terra, Pentecostes marca o final da festa Páscoa.
Pentecostes celebra a descida do Espírito Santo sobre os apóstolos e seguidores de Cristo, durante aquela celebração judaica do quinquagésimo dia em Jerusalém, e também é considerado o dia do nascimento da igreja".
                         (texto da Web)

domingo, 28 de maio de 2017

Ascensão do Senhor Mt,28,16-20


Imagem da Web.

"A Ascensão do Senhor vai encerrando o ciclo das grandes celebrações memoriais de nossa fé. O Ressuscitado, Palavra Eterna, retorna ao seio do Pai. Sua humilhação na carne reveste-se agora na exaltação divina. Ele é o Senhor da História, está eternamente à direita do Pai! Celebramos hoje o dia das Comunicações Sociais, instrumentos essenciais para a propagação do Evangelho e o início da Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos. O Cristo Glorioso deseja a comunhão de todos os que professam o amor em seu nome". ( Deus Conosco)

"Eis que estou convosco todos os dias, até o fim dos tempos, aleluia! (Mt 28,20)



Paz e Bem!

sábado, 27 de maio de 2017

Que progresso é este?

Que progresso é este que destrói ao invés de restaurar, conservar?
Fico triste cada vez que vejo um patrimônio histórico, sendo demolido para se fazer nada no lugar.
Mesmo que fosse para fazer algo neste lugar, tinha que conservar este patrimônio histórico e aproveitá-lo da melhor maneira possível.
Estão acabando com a memória das cidades, em Taubaté, minha cidade natal e que eu amo apaixonadamente e Pinda que me acolheu tão carinhosamente, estão ficando sem memória histórica.
Quando olhamos para aqueles casarões dentro da nossa memória e o que os olhos hoje veem, dá vontade de chorar.
E o que fizeram no lugar?
Estacionamentos, pastelarias, lotéricas e as vezes estão lá apenas criando matos, cobras e quiçá, jacarés e elefantes, risos, para não chorar.
Muito triste tudo isso.
Como é gostoso quando viajo e encontro patrimônios inteiros em pé conservados e eles por si só já contam a história daquele lugar.
Os olhos marejam de emoção, o coração acelera e a imaginação passeia, por aqueles lugares, matutando, como seriam as pessoas daquele lugar, que sonho tinham, o que pensavam, o que faziam para se divertir, em que trabalhavam...tanta coisa vagueia minha cabeça e minha emoção quando estou nestes lugares.
Quanto recurso estes lugares recebem de volta pela vinda de turistas que gostam destes passeios maravilhosos.
E quanto Taubaté e Pindamonhangaba perderam e ainda perderão pelo descaso com nossa história.
       Maria Teresa.

sexta-feira, 26 de maio de 2017

D. Pedro ll - o melhor governante que o Brasil podia ter tido. Um grande brasileiro e estadista.


Pedro II do Brasil adicionou 2 novas fotos.
Quando D. Pedro II do Brasil subiu ao trono em 1840, 92% da população brasileira era analfabeta, em seu último ano de reinado em 1889, essa porcentagem era de 56%, devido ao seu grande incentivo a educação, a construção de Faculdades e principalmente de inúmeras Escolas que tinham como modelo o excelente Colégio Pedro II.
A bandeira nacional brasileira tem entre as cores o verde e o amarelo pois a mãe de Pedro II do Brasil, a Imperatriz Leopoldina idealizou e costurou a primeira bandeira nacional sendo o verde a cor símbolo da casa real dos Bragança e o amarelo da casa real dos Habsburgo . Diferentemente como muitos pensam o verde não representa as matas e o amarelo não representa o ouro. Além disso seu pai Pedro I que compôs o nosso primeiro hino nacional que sofreu modificações ao longo da república.
Pedro II do Brasil é Patrono do Corpo de Bombeiros e da Astronomia.
Em 1887, a média da temperatura na cidade do Rio de Janeiro era 24° no ano. No mesmo ano a máxima no verão carioca no mês de janeiro foi de 29°.
A Imperatriz Teresa Cristina cozinhava as próprias refeições diárias da família imperial apenas com a ajuda de uma empregada (paga com o salário de Pedro II).
Em 1871, a Imperatriz Teresa Cristina doou todas as suas joias pessoais para a causa abolicionista, deixando a elite furiosa com tal ousadia. No mesmo ano A Lei do Ventre Livre entrou em vigor, assinada por sua filha a Princesa Imperial Dona Isabel.
(1880) O Brasil era a 4º Economia do Mundo e o 9º Maior Império da História.
(1860-1889) A Média do Crescimento Econômico era de 8,81% ao Ano.
(1880) Eram 14 Impostos, atualmente são 98.
(1850-1889) A Média da Inflação era de 1,08% ao Ano.
(1880) A Moeda Brasileira tinha o mesmo valor do Dólar e da Libra Esterlina.
(1880) O Brasil tinha a Segunda Maior e Melhor Marinha do Mundo. Perdendo apenas para Inglaterra.
(1860-1889) O Brasil foi o primeiro país da América Latina e o segundo no Mundo a ter ensino especial para deficientes auditivos e deficientes visuais.
(1880) O Brasil foi o maior construtor de estradas de Ferro do Mundo, com mais de 26 mil Km.
A imprensa era livre tanto para pregar o ideal republicano quanto para falar mal do nosso Imperador. "Diplomatas europeus e outros observadores estranhavam a liberdade dos jornais brasileiros" conta o historiador José Murilo de Carvalho. "Schreiner, ministro da Áustria, afirmou que o Imperador era atacado pessoalmente na imprensa de modo que 'causaria ao autor de tais artigos, em toda a Europa, até mesmo na Inglaterra, onde se tolera uma dose bastante forte de liberdade, um processo de alta traição'." Mesmo diante desses ataques, D. Pedro II se colocava contra a censura.
"Imprensa se combate com imprensa", dizia.
"Quanto às minhas opiniões políticas, tenho duas, uma impossível, outra realizada. A impossível é a república de Platão. A realizada é o sistema representativo [a Monarquia]. É sobretudo como brasileiro que me agrada esta última opinião, e eu peço aos deuses (também creio nos deuses) que afastem do Brasil o sistema republicano, porque esse dia seria o do nascimento da mais insolente aristocracia que o sol jamais alumiou"
MACHADO DE ASSIS
ESCRITOR E FUNDADOR DA ACADEMIA BRASILEIRA DE LETRAS
1. A média nacional do salário dos professores estaduais de Ensino Fundamental em (1880) era de R$ 8.958,00 em valores atualizados.
2. Entre 1850 e 1890, o Rio de Janeiro era conhecido na Europa como “A Cidade Dos Pianos” devido ao enorme número de pianos em quase todos ambientes comerciais e domésticos.
3. O bairro mais caro do Rio de Janeiro, o Leblon, era um quilombo que cultivava camélias, flor símbolo da abolição, sendo sustentado pela Princesa Isabel.
4. O Maestro e Compositor Carlos Gomes, de “O Guarani” foi sustentado por Pedro II até atingir grande sucesso mundial.
5. Pedro II tinha o projeto da construção de um trem que ligasse diretamente a cidade do Rio de Janeiro a cidade de Niterói. O projeto em tramito até hoje nunca saiu do papel.
6. Pedro II mandou acabar com a guarda chamada Dragões da Independência por achar desperdício de dinheiro público. Com a república a guarda voltou a existir.
7. Em 1887, Pedro II recebeu os diplomas honorários de Botânica e Astronomia pela Universidade de Cambridge.
8. Descontruindo boatos, D. Pedro II e o Barão/Visconde de Mauá eram amigos e planejaram juntos o futuro dos escravos pós-abolição. Infelizmente com o golpe militar de 1889 os planos foram interrompidos.
9. Oficialmente, a primeira grande favela na cidade do Rio de Janeiro, data de 1893, 4 anos e meio após a Proclamação da República e cancelamento de ajuda aos ex-cativos.
10. D. Pedro II tinha 1,91m de altura, quando a média dos homens brasileiros era de 1,70m e mulheres 1,60m.
11. Na época do golpe militar de 1889, D. Pedro II tinha 90% de aprovação da população em geral. Por isso o golpe não teve participação popular.
12. José do Patrocínio organizou uma guarda especialmente para a proteção da Princesa Isabel, chamada “A Guarda Negra”. Devido a abolição e até mesmo antes na Lei do Ventre Livre , a princesa recebia diariamente ameaças contra sua vida e de seus filhos. As ameaças eram financiadas pelos grandes cafeicultores escravocratas.
1. O Paço Leopoldina localizava-se onde atualmente é o Jardim Zoológico
2. O Terreno onde fica o Estádio do Maracanã pertencia ao Duque de Saxe, esposo da Princesa Leopoldina.
3. Santos Dumont almoçava 3 vezes por semana na casa da Princesa Isabel em Paris.
4. A ideia do Cristo na montanha do corcovado partiu da Princesa Isabel.
5. A família imperial não tinha escravos. Todos os negros eram alforriados e assalariados, em todos imóveis da família.
6. D. Pedro II tentou ao parlamento a abolição da escravatura desde 1848. Uma luta contra os poderosos fazendeiros por 40 anos.
7. D. Pedro II falava 23 idiomas, sendo que 17 era fluente.
8. A primeira tradução do clássico árabe “Mil e uma noites” foi feita por D. Pedro II, do árabe arcaico para o português do Brasil.
9. D. Pedro II doava 50% de sua dotação anual para instituições de caridade e incentivos para educação com ênfase nas ciências e artes.
10. D. Pedro Augusto Saxe-Coburgo era fã assumido de Chiquinha Gonzaga.
11. Princesa Isabel recebia com bastante frequência amigos negros em seu palácio em Laranjeiras para saraus e pequenas festas. Um verdadeiro escândalo para época.
12. Na casa de veraneio em Petrópolis, Princesa Isabel ajudava a esconder escravos fugidos e arrecadava numerários para alforriá-los.
13. Os pequenos filhos da Princesa Isabel possuíam um jornalzinho que circulava em Petrópolis, um jornal totalmente abolicionista.
14. D. Pedro II recebeu 14 mil votos na Filadélfia para a eleição Presidencial, devido sua popularidade, na época os eleitores podiam votar em qualquer pessoa nas eleições.
15. Uma senhora milionária do sul, inconformada com a derrota na guerra civil americana, propôs a Pedro II anexar o sul dos Estados Unidos ao Brasil, ele respondeu literalmente com dois “Never!” bem enfáticos.
16. Pedro II fez um empréstimo pessoal a um banco europeu para comprar a fazenda que abrange hoje o Parque Nacional da Tijuca. Em uma época que ninguém pensava em ecologia ou desmatamento, Pedro II mandou reflorestar toda a grande fazenda de café com mata atlântica nativa.
17. A mídia ridicularizava a figura de Pedro II por usar roupas extremamente simples, e o descaso no cuidado e manutenção dos palácios da Quinta da Boa Vista e Petrópolis. Pedro II não admitia tirar dinheiro do governo para tais futilidades. Alvo de charges quase diárias nos jornais, mantinha a total liberdade de expressão e nenhuma censura.
18. Thomas Edison, Pasteur e Graham Bell fizeram teses em homenagem a Pedro II.
19. Pedro II acreditava em Allan Kardec e Dr. Freud, confiando o tratamento de seu neto Pedro Augusto. Os resultados foram excelentes deixando Pedro Augusto sem nenhum surto por anos.
20. D. Pedro II andava pelas ruas de Paris em seu exilio sempre com um saco de veludo ao bolso com um pouco de areia da praia de Copacabana. Foi enterrado com ele.
A Princesa Isabel já em seu exilio em 1904 foi perguntada por que a família raramente usava as joias Imperiais no Brasil. Princesa Isabel respondeu que tanto ela como sua mãe, sabia que aquelas joias não as pertenciam. Que poderiam usar a qualquer hora em qualquer ocasião, mas raramente enxergavam motivos para usa-las. “Ainda mais se tratando de adornos grandes, pesados e de extrema “arrogância” com nosso povo”.
Em Particular a Imperatriz Teresa Cristina sempre foi alvo de jornais e nobres da época por sua simplicidade e falta de capricho em seus trajes e adornos. Sempre muito discreta, só usava suas joias de cunho pessoal, nunca usou as joias do cofre Imperial, as tais “joias da coroa”. A mídia zombava de uma Imperatriz que se vestia como uma senhora de classe média.
A maioria das joias particulares de família foram leiloadas e outras roubadas pelos militares dias após o Golpe de 1889. Já as joias Imperiais foram totalmente saqueadas pelos militares.

Fonte: Biblioteca Nacional RJ, IMS RJ, Diário de Pedro II, Acervo Museu Imperial de Petrópolis RJ, IHGB, FGV, Museu Nacional RJ, Bibliografia de José Murilo de Carvalho.

Jesus é a própria alegria e vida - Jo 16,20-23

“Deus nos fala. A palavra de Deus não tira os anseios humanos, ao contrário, ilumina-os e purifica. Só Deus pode responder aos anseios humanos, mesmo diante da técnica e da ciência tão envolvidas em nossos dias". 
Escutemos. (Deus conosco).


Jesus aqui com sua infinita bondade quer me consolar e consolar a todos com seu ato de amor incondicional e se dá na cruz por mim e por todos.
Através da sua morte de cruz, Ele me liberta da morte e me fará ter um corpo glorioso no céu.
Ele me faz uma promessa que chegará um dia que não questionarei mais nada, por que terei todas as repostas, pois estarei diante de Jesus para sempre.
Jesus parte para o céu, mas eu não sinto sua ausência, pois Ele está em meu coração me guiando sempre no caminho do bem.
Que Ele me ajude a ser digna de tal promessa e que eu seja sempre um exemplo de fé e esperança.

Eu vivo a Fé em Cristo e com isso estou em sintonia com Deus.
Procuro sempre viver assim.
Ainda que eu tenha noites traiçoeiras, eu creio que Deus está comigo sempre e que a dor passará e a alegria retornará.
“Provai e vede como o Senhor é bom, feliz de quem nele encontra o seu refúgio, aleluia”! )Sl 33,39)


Muito obrigada Senhor, por estar todos os momentos da minha vida ao meu lado, me guiando e me livrando sempre de todo o mal, amém!


Paz e bem!
     Maria Teresa

Imagens da Web.

sábado, 20 de maio de 2017

Lembranças são eternas, bom demais!

                                                    Nós quatro na década de noventa.
Partindo do que disse meu sobrinho, Rennan, “Tudo passa...o que fica são as fotos e as lembranças”, afirmo que ele está absolutamente certo.
Como é bom pegar aquela caixa de retratos e recordar cada momento vivido ali, registrados naquelas fotos amarelecidas pelo tempo, de lá de trás de nossa vida ou pegar o celular ou a câmera e rever fotos de agora e reviver estes momentos que ainda estão frescos em nossa memória, parecendo que tudo aconteceu ainda ontem, bom demais!
Mas tem momentos que não dá para registrar com uma câmera, só dá para clicar com o coração e guardar na caixa da memória e lá deixar com outras lembranças tão especiais e rever a hora que quiser, elas estão ali, em forma de palavras, cheiros, carinhos, ternuras, amor, como é bom recordar e viver novos momentos, bom demais!
Tenho lembranças incríveis, suaves da minha infância, ao lado dos meus pais, vovô e irmãos, lembranças essas que me fortalecem até hoje, por que foram e são responsáveis pela mulher que sou., bom demais!
E as lembranças que tenho de você, Rennan, a Anne e o Reggis, com quem vivi e vivo a vida toda, lembranças estas que fazem cócegas em meu coração e que nada, nada separará de mim, é bom demais!
Recordar, reviver, admirar velhas fotos, mas o melhor de tudo é poder viver com vocês momentos novos e registrar cada dia mais lembranças maravilhosas no coração e em fotos, também, vocês sabem o quanto amo fotografias, bom demais!
Vamos lá viver cada dia mais e clicar muita coisa linda para recordar, bom demais!
Maria Teresa

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Vida

Depois da forte tempestade, começou a clarear e lá surgiu o lindo arco-iris,
trazendo de volta a esperança.
(Cliquei esta linda imagem do meu quintal)

Vida um eterno começar de novo.
A vida é um eterno começar sempre.
Nunca terá fim, um dia apenas mudaremos de lugar e de corpo, mas a vida é um eterno nascer de novo.
Viver sem pressa, por que o tempo é implacável, ele passa depressa e não dá para voltar no ontem e nem viver o amanhã hoje.
Viver cada dia intensamente, com vontade de descobrir coisas novas e aprender coisas surpreendentes a cada dia.
Procurar viver com sabedoria e exercendo sempre a boa justiça, aquela justiça que gostamos de sermos tratados.
Viver cada dia como se este fosse o primeiro dia de nossa vida.
Viver o amor, aquele que Jesus tanto nos ensina nas escrituras.
Viver sem preguiça e com vontade sempre de acertar e vencer sempre com dignidade e verdade.
Viver sempre com um sorriso nos olhos e um brilho nos lábios, por que se não for assim, que tristeza será este viver.
Viver é tão bom que nunca penso em morte, nunca mesmo, mas sei que ela existe, mas para que pensar não se sabe o dia dela vir, portanto vamos viver com sabedoria e verdade, ser muito feliz sempre, por todos os dias.
  Maria Teresa.

quarta-feira, 17 de maio de 2017

Pensamento



Para mim não existe coisa mais extraordinária que o pensamento.
Alguém me disse uma vez que “o pensamento é o passeio da alma”.
Veja que coisa mais linda e poética “o pensamento é o passeio da alma”!

Concordo plenamente com ele, é a maneira que nosso espírito tem para viajar, descortinar novos horizontes é através do pensamento que levamos nosso corpo a passeios deslumbrantes, que só podemos fazer através do pensamento, da imaginação.
É através dele que levamos nossa alma mais longe que nosso corpo pode chegar. 
A alma não encontra obstáculos para caminhar, voar, viajar pelo espaço sideral, através do pensamento saímos de nós mesmos sem abandonarmos nosso interior.
Isso é bárbaro, imagine poder voar sem sair do lugar!
E mais o pensamento segundo Descartes é uma existência, ele disse “Penso, logo existo”.
Pensar é formar conceitos, portanto temos que ter cuidado com que pensamos, pois podemos colocar pensamentos inúteis em movimento e jogá-los para o subconsciente coletivo e de certa forma colocar uma existência inteira no caos.
Pensamento é a arte de refletir, meditar, viajar pelo espaço sem sair do lugar.
Maria Teresa - 2005

domingo, 14 de maio de 2017

Mamãe


Feliz Dia das Mães, MAMÃE!
Te amo mamãe para sempre.
"Ave Maria cheia de graça
O Senhor é convosco, bendita sois vós
Bendito é o fruto do vosso ventre Jesus!
Santa Maria, rogai por nós pecadores,
agora e na hora de nossa morte Amém"!

Benditas sejam todas as Mães, que receberam de Deus o dom de ser Mãe.
Benditas sejam todas as Mães que receberam de Deus o direito de ser chamada de Mãe.
Benditas sejam todas as Mães que amam seus filhos gratuitamente como Deus deseja que seja.
Bendita seja minha doce MÃEZINHA que é um anjo lá no céu, depois de ter sido um anjo de candura aqui na terra.
Bendita seja minha doce MÃEZINHA que me desejou e me gerou em seu coração e me fez a mulher que sou.
Bendita seja minha doce Mãezinha, por ser sido a Mãe que foi.
Um beijo doce MÃEZINHA em seu doce coração!
Sua filha, Maria Teresa
🍀

sábado, 13 de maio de 2017

Mamãe querida


                                                               Mamãe aos 18 anos, 
                                                             mina heroína e espelho.
Mamãe querida, quanta saudade existe
dentro do meu coração.
A senhora deixou um vazio imenso, 
um buraco na alma, 
um nó na garganta 
e um aperto no coração.
A senhora me deixou tão cedo.
Ficou tanta coisa sem fazermos.
Não conversamos tudo que tínhamos 
para conversar.
Ficou tanto carinho sem trocar.
Ficaram tantas gargalhadas que não demos
e que ficam retidas em mim.
Ficou tanta coisa no vazio, 
por que a senhora não está mais aqui.
Que pena que a senhora teve que 
ir se encontrar com o papai.
papai que devia ter voltado 
e ficado aqui para podermos viver juntos 
ainda tantos sonhos sonhados.
Agora a senhora brilha no céu.
É mais uma estral a luzir nesta imensidão do céu.
Que está aí a brilhar e a piscar para mim 
derramando seu eterno amor.
Sua benção querida mãezinha.
    Maria Teresa


quinta-feira, 11 de maio de 2017

Mamãe

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas em pé
                                        Mamãe e papai aos 23 anos

“Ela é a dona de tudo,/ Ela é a rainha do lar,/ Ela vale mais para mim,/ Que o céu, que a terra, que o mar,/ Ela é a palavra mais linda,/ Que um dia o poeta escreveu,/ Ela é o tesouro que o pobre,/ Das mãos do senhor recebeu.// Mamãe, mamãe, mamãe,/ Tu és a razão dos meus dias,/ Tu és feita de amor e esperança,/ Ai, ai, ai, mamãe,/ eu cresci, o caminho perdi/ volto a ti e me sinto criança/ Eu te lembro chinelo na mão,/ O avental todo sujo de ovo,/ Se eu pudesse,/ Eu queria outra vez, mamãe,/ Começar tudo, tudo de novo.”

...aí deu uma saudade danada da minha infância com mamãe, ela cantava muito esta canção e essa lembrança trouxe outros momentos em minha memória, que vou contar para vocês.
Papai tinha uma pequena loja de confecção própria, que se chamava "Casa Trevo" e todo retalho que sobrava, dos cortes de roupas que papai fazia, ele levava para casa e o retalho que era possível fazer um vestido para mim, lá estava mamãe em volta da máquina de costura, imaginando como faria aquele vestido e de repente lá esta ele prontinho em cima da mesa e a mamãe ia buscar a caixa de linhas coloridas para bordar.
E pegava as linhas mais lindas e bordava uma cena de uma estória de contos de fadas, no corpo do vestidinho ou cenas na roda da saia, eram todos muito rodados, lindos...
Mamãe era muito criativa, parecia que tinhas mãos mágicas, meus vestidos eram lindos, as amiguinhas não tinham nada igual e eu ficava toda faceira.
Ah mamãe era especial, ela era a artesã do amor.
e ela guardava os retalhos e quando tinha uma quantia razoável ela fazia colchas para as nossas camas e as da minha cama eram especiais, eram todas bordadas com cenas dos livros de estórias.
Eu adorava vê-la criar tanta coisa linda, parecia magia de fada e ela era a minha fada, a minha mãezinha mágica.
Ela era muito especial, muito especial!
Que saudades mamãe, ainda bem que aproveitamos bem a vida juntas, principalmente todo o tempo que tínhamos.
Mas que dá uma saudade danada, ah isso dá viu dona Filhinha, minha mamãe querida.
Um beijo mamãe em seu coração e continue comigo a me orientar sempre.
Sua filha que te amam, além do infinito, Maria Teresa.

quarta-feira, 10 de maio de 2017

Mamãe e o verdadeiro amor


    Papai e mamãe na década de setenta
          meus amores e espelhos.

B ondade
E spirirualizada era sua fé
R ara era sua beleza, er
N aturalmente encantadora
A amorosa com sua família
R adiante era sua alegria
D eus a abençoava a cada amanhecer
I luminando-a com ternura que
N os dava com carinho seu eterno
AMOR!


Vou propor uma suave meditação.
Feche seus olhos e diga MÃE, bem devagar.
Sentiu?
Escutou o que cada letra que dizer?

MÃE!

M de Maria, Mãe de Jesus.
A de Amor.
E de espera (nça)

Vamos sentir a beleza de ser Mãe.
Eu não sou mãe, mas sou tia de sobrinhos amorosos que os tenho como filhos do coração.

Eu consigo imaginar e sentir em meu coração como é belo ser mãe, por que sou filha muito amada e tive uma MÂE espetacular, maravilhosa e mesmo ela estando no céu, continua a me embalar, como se eu estivesse em seu colo a em proteger.
Ser Mãe é sentir a plenitude da vida é ser plena de graça.
Mamãe foi assim, mãe plena de graça de Deus e de Maria.
Deus não poderia ter me dado mãe melhor.
Sua benção querida mãezinha, a senhora estará para sempre em meu coração e em minha memória.
                Sua filha, Maria Teresa

.






terça-feira, 2 de maio de 2017

Mês de Maio, mês dedicado a Nossa Senhora e as Mães

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas em pé, filho e área interna
Mamãe e eu na década de oitenta, pouco antes dela voltar para o céu.
Sempre gostei do mês de maio, por causa da coroação de Nossa Senhora, no final do mês, então fazia-se reza do terço todas as noites e lá íamos nós, papai, mamãe, vovô, meus irmãos e minha amiga Carmélia, para a Catedral.
Morávamos pertinho da Igreja.
Que delicia que era, rezávamos, cantávamos e na saída da Igreja, pipoca para todos.
Tempo bom, muito bom, mas sem saudosismo, só saudades mesmo.
Hoje fico observando e as famílias não fazem mais isso, poucas pessoas vão na reza do terço e na cantoria a Nossa Senhora, (pra falar a verdade, nem tem mais).
Mas o Mês de maio continua e Nossa Senhora continua a nos proteger.
Que bom que ela nos ama e foi no mês de maio, num dia das mães que conheci meu querido marido, com certeza presente de Nossa Senhora e de Jesus.
Parabéns mamãe querida, grande beijo em seu coração de sua filha, Maria Teresa

Comentar

Mimo de Gracita

Delicadeza de Roberta Maia

Como é bom viver...

Hum, como é bom viver a vida com responsabilidade e alegria!
Mas vida é curta para ser vivida com intolerância, com mau humor e estupidez como tenho visto por ai.
A vida é para ser vivida como se fosse um desabrochar de uma rosa, lentamente. Como o despertar do girassol, que se espreguiça todo até ficar olhando o sol, para melhor aproveitar a sua vida.
Viver a vida como se ela fosse uma sinfonia de pássaros matinais e se prestar atenção ouvirá uma sinfonia diferente a cada amanhecer, é só não ter pressa e ouvir, porque os pássaros estão lá a cada amanhecer.
Viver a vida sem pressa alguma porque a pressa não deixará experimentar o doce sabor que ela oferece a cada dia e olha, ela oferece sabores diferentes e crescedores de se viver.
Viver a vida como se não houvesse noites e só dias e dias de sol.
Então faça da noite do viver o mais lindo dia de sol!!

Arte: Émilie Munier
Autoria: Maria Teresa

Palavras da autora: “...nasci rodeada por livros, boa música, pinturas de quadros (papai tinha um atelier em casa), bordados (mamãe bordava lindamente) e muita religiosidade, caçula de três irmãos homens, temporã de pais na meia idade, fui educada com muito amor e mimo......adoro poesia e deixo o coração ditar e minhas mãos copiarem sobre o papel e ou teclado...amo ler e escrever, gosto muito de brincar com as letras...”

Maria Teresa tem dois Blogs:
Blogs lindos, cheio de declarações de amor( a seu marido) e muita paz!!!
Conheçam!!!

- Minha querida Maria Teresa, sua base familiar refletiu na linda mulher que é, apesar de conhecer apenas virtualmente, sinto sua energia BOA daqui!
Aqui é seu selinho destaque querida, fique à vontade para leva-lo:


Beijinhos Iluminados e Agradecidos!!

11 Comentários:

  1. Ahhhhhh como é bom VIVER!

    Aproveitar cada momento de sorriso nos lábios!

    Ahhhh como é bom VIVER

    Post inspirador Roberta!
    Amei

    :)

    Responder
    Respostas
    1. An@, sorriso nos lábios, adorooooo...!!!
      Beijinhos Iluminados!!!

      Muita Luz!!

  2. Bom dia Roberta, Parabéns a Maria Tereza pela doçura e sensibilidade, viver a vida sem pressa hoje em dia é um desafio que todos nós deveriamos querer vencer! Ótimo dia! Bjoooooss

    Responder
    Respostas
    1. Kellen,os blogs de Maria Teresa são cantinhos onde ela mostra sua paixão pelo marido e a vida!!!

      Lindo Dia!!!

  3. Conheço os blogs da Maria Tereza e são lindos sempre!!beijos às duas! chica

    Responder
    Respostas
    1. Chica, são lindo nê?!AMO DE PAIXÃO!!!
      São muito transparentes...claros!!!

      Beijinhos Iluminados!!!

  4. Querida Roberta, nem sei como fazermos para agradecer, ficamos deveras muito emocionados.
    Ficou linda sua postagem, trouxemos conosco o lindo selo que nos presenteou.
    Agradecemos do fundo do coração e seja sempre muito feliz e abençoada, que sua vida seja repleta de luz e muito amor sempre...beijos nossos no coração

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maria Teresa, obrigada você por ter dado a permissão para que uma de suas obras estivesse aqui no Blog Luz!!!
      Fico imensamente feliz que tenham gostado!

      Beijinhos de Luz no coração do casal!!!
      Bençãos Plenas!!

  5. É isso mesmo, como é bom viver e aproveitar de todas essas coisas maravilhosas que a vida tem para nos oferecer. Ás vezes nem damos conta que estão mesmo pertinho de nós :)
    Linda mensagem, os meus Parabéns à autora!
    Beijiinhos

    Responder
  6. Olá! Tudo diferente e belo por aqui! Adorei as imagens de muita paz...e harmonia e o texto da Maria Tereza perfeito...vou conhecer...
    Parabéns Roberta!
    Bjs e que seu dia seja ótimo, com paz e bons pensamentos!
    CamomilaRosa

    Responder
  7. Olá Roberta,

    Conheço a Maria Tereza. É uma amizade recente, mas já pude constatar a beleza e sensibilidade de sua alma. Seus blogs são excelentes.

    O texto é lindo. Um convite à arte de bem viver.

    A ilustração ficou encantadora com a arte de Émilie Munier. Parabéns pelo bom gosto!

    Beijos.

    Responder